quinta-feira, 28 de abril de 2011

Que sentimento!

Mais um dia chegou, e eu com meus versos, pinto minha noite, com minha calma e leveza, procurando tão somente, extrair de dentro de minha memória, palavras que me dão certeza, de um sentimento tão lindo, que está guardado, para o infinito...
Amor, que sentimento...


Ás vezes palavras me fogem

Ás vezes não sei decifrar o que está aqui dentro

Não sei dizer o que sinto nesse momento

Só sei que sinto o amor surgir, aos poucos, em um coração, com tantos sentimentos..

Quero acreditar que estou revivendo um momento,

Que na minha memória, ficou com seu tempo...

E hoje não se passam de breves versos, que apenas no papel eu consigo descrevê-los...

Não quero deixar nenhum coração sofrer

Nem uma marca de uma lagrima por escorrer

Somente quero entender

O por que do meu coração querer somente te amar.....

Sinto ele bater, somente ao te ver

Da magia se faz pensamento,

Do momento se faz pequeno,

Mas da grandeza se faz o meu sentimento,

Que por ti, é muito mais que amor verdadeiro.

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Felicidade, quem é você?

Felicidade....


Que palavra, que conjugação,

Com apenas dez letras,

Mas em seu conteúdo, uma imensidão...

Às vezes sinto que em mim ela se perde,

Mas dentro de mim, ela não deixa de existir,

São simplesmente ações,

Que sempre fazem-na ressurgir.

Quero ser sempre assim,

Um alguém que sempre encontra, no fim,

Uma imensidão de luzes, mesmo sem saber,

Que pensamentos habitam, a mente de um ser.

Alegria que em meu coração vive,

E que para o próximo quer viver,

Sou assim e me orgulho,

Porque é dessa forma que sei resplandecer.

É ser feliz,

Sem medo de olhar pra frente e descobrir,

Quão belo é o saber sorrir,

Mesmo que seja para alguém que não entenda,

O que é aprender, correr, viver e ser feliz...

Há tanta felicidade dentro de mim,

A realização de um sonho me fez rir,

Mesmo com tantos medos a sentir,

Nada, nunca me impedirá, de ser feliz!