quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Ano Novo!


Os segundos iam-se embora,
Contados, como em trovas,
Os últimos momentos,
Celebrados, sem esquecimentos,
De mais um ano que se consagrou,
Grandes e alegres vitórias...
Fortes barulhos atormentavam os ouvidos,
Mas vindos de lindos brilhos que pelo céu se alegravam,
Mostrando a todos que mais um ano estava vindo ao agrado,
E que toda aquela beleza teria a realeza,
De mais uma imaginação,
De mais uma oração,
E mais uma grandeza,
A eterna gratidão...

Nenhum comentário: