segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Nascer da vida


Senti o vento soprar meus ouvidos,
A brisa suave roçar meus cabelos,
Os grãos da areia a penetrar minha pele,
E a imensidão do amor,
Esquentar o meu corpo, com todo o calor,
Sentindo assim, a vida, alegre...
Meus olhos miravam radiantes,
Aquele horizonte fascinante,
Por entre as águas onduladas e salgadas,
Nascia o maior e brilhante,
O sol, com suas espadas,
Iluminando cada fio de água,
Venerando assim, meus sentimentos,
Fazendo de mais um dia,
Mais versos e mais palavras,
A serem contemplados e admirados,
Por mais esta cortesia,
Momentos e segredos,
Revelados em uma pequena poesia...

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Agradecimentos


Agradecer por mais um ano,
Agradecer por mais este encanto,
Que me é proporcionado,
Nesta vida, neste enlace...
Obrigada à minha família,
Obrigada aos meus amigos,
Obrigada ao meu amor,
Por tanta vida, por tanto sabor!
Palavras inexistem para explicar,
Minha gratidão em viver neste altar,
Por sentir os sentimentos mais lindos,
E contemplá-los, em cores, exaltar!
Hoje mais um ano de vida completo,
Com tanta felicidade, com tanto louvor,
Agradecendo a Deus por esta oportunidade,
Que me é proporcionada com fervor!
Especial gratidão aos meus avós e pais,
Por confiar-me a vida, com educação,
Ensinando-me desde os primeiros passos,
Até o viver a vida, com emoção!
Simplesmente agradeço a vocês,
Meus amigos, amor, família,
Por me proporcionar a mais pura alegria,
Independente do momento, dos acontecimentos,
Vocês sempre serão os maiores motivos,
Eternamente, do meu viver a vida,
No mais puro e perfeito contentamento!

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Melodia da Vida


Sinto meu corpo pairar no ar,
Minha alma a cantar e bailar,
Meus pensamentos voam ao vento,
E me coração se apaixonar pelo amor a todo o momento...
Sinto a música me levantar,
As notas musicais, em minha mente penetrar,
E cada mudança, em tom,
Com seu especial e perfeito som...
É como uma magia,
Faz-nos entender a vida,
Cada qual no seu sentimento,
Fazendo da mente imensidão de pensamentos,
Incrível maravilha,
Louca nostalgia,
Faz da minha vida,
A mais pura alegria...
Sorrio com este enlace,
Que vem da música, pelos ares,
Enriquecendo minha alma,
Fazendo do meu ser a paz e a calma...
A música é assim,
A qualquer instante, faz rir,
Independente do tempo e dos desejos,
Apenas em busca do eterno sorrir...

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Baile da Noite

Observo o luar ao longe,
O horizonte se faz tão distante,
Mas está mais perto do imaginar,
Tão lindo que me faz sonhar...
As luzes da cidade piscam a brilham,
Parecem dançar e cantar, no ritmo,
Apenas curtindo o movimento,
Que se faz infinito perante o momento...
Sinto uma brisa roçar meus cabelos,
Levando-me para longe da escuridão do tempo,
Apenas sinto meus pensamentos,
Pairando nos sonhos, em um mar de sentimentos...
Assim, vou vivendo a vida,
Curtindo a noite e o dia,
Que se fazem lindos, incrível magia,
Sem jamais pensar na partida,
Apenas imaginando e pensando,
Quão belo é desfrutar deste paraíso, da vida!

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Realeza de Viver


A paz invade meu ser,
Acreditando no desejo de viver,
Agradeço a Deus por essa luz,
Que me invade e da minha alma reluz...
Quão maravilhoso é viver a vida,
Honra em ser privilegiada por essa alegria,
Assim, sinto-me no paraíso,
No glorioso dia a nascer com um sorriso...
É viver com lealdade,
Acreditar na positividade,
Sorrir com sinceridade,
Independente da realidade...
Pois tudo na vida passa,
Os obstáculos são as escadas,
Que servem para o amadurecimento,
Da nossa mente, a fim e continuar vivendo...
Por este motivo eu vivo,
A fim de ajudar o próximo a viver sorrindo,
Pois o amor é o maior motivo,
De viver nesta realeza, neste paraíso!

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Sentimentos da Noite


Observo a Lua e a estrelas,
Tão distantes, mas tão serenas,
Estão ao longe, amenas,
Vislumbrando o mundo,
De forma tão pequena, mas tão imensa...
Admiro a beleza do céu,
Como se fosse um altar,
Observo os paços de danças, véus,
Com tanta beleza sempre a desejar...
Sinto o perfume da natureza,
Das suas plantas e flores,
Todos os mais derivados sabores,
Mas as mais lindas riquezas...
Ouço o piar dos pássaros,
Junto do sopro do vento,
Arrepio com a brisa, um desejo,
De poder voar e delirar,
Com tantos sonhos a sonhar,
Alcançando assim, o maior altar,
Que está sempre a refletir,
A imensidão do céu, a se divertir,
Por entre as águas claras, o sorrir,
Deste verdadeiro enlace,
Céu e mar, natureza e beleza,
Que juntos, formam a mais bela riqueza,
A vida, contemplada na mais pura realeza...

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Amor


Como explicar este sentimento,
Que em meu coração está a exaltar,
Tento de alguma forma especificar,
Mas é impossível, somente amar...
Sentimento puro, infinito,
Que me faz viver no paraíso,
Sentindo a pureza de te amar,
E vivendo assim, contigo sorrindo...
Obrigada meu amor,
Por ser assim,
Um alguém que de uma forma tão perfeita,
Faz-me sorrir e me apaixonar, com grandeza...
Obrigada meu amor,
Por me fazer mais feliz,
Por completar meu coração, com seu sorrir,
E por ser melhor amigo, a sentir,
Este sentimento único,
Que somente por você está a existir,
Eu te amo, e para sempre desejo assim...
Meu anjo...

Pedro Serra Lopes

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Beleza da noite


Sinto o perfume de flores,
Sinto o cheiro das cores,
Prevejo a natureza,
Contemplada nos amores...
Verde, amarelo, azul, vermelho,
Rosa, violeta, até o preto,
Maravilhas que se misturam,
Formando o mais perfeito contentamento...
A vida é assim,
Cheia de cores e argumentos,
Tomam conta de minha mente,
Transformando uma miscigenação de pensamentos...
Cores nascem dentro do corpo,
Reluzem pelos lados, ao todo,
Refletindo em nós mesmos, a vida,
Demonstrando todo seu brilho,
Mas também o lado fosco...
Sentir as cores brilhantes,
Vê-las com um sorriso, exuberante,
Mas enxergar as cores escuras,
E nelas perceber a vida,
Que não se faz oculta,
Apenas um pouco mais escura,
Mas jamais triste, muito menos distante,
Apenas com um brilho intenso, por estar ao longe,
Assim como as estrelas, destacando-se no horizonte,
Mostrando a todos, que também são cores,
Que mesmo ofuscas, tornam-se lindas e exuberantes,
Perante um céu escuro, mas delirante,
Fazendo toda essa natureza,
A mais incrível, a mais penetrante!

terça-feira, 14 de agosto de 2012

O que te defines, amor?


Sentimento puro, sem fim,
Uma pureza que me faz sorrir...
Quão belo é te ter dentro de mim,
Meu lindo amor, que me faz assim,
Tão bem, a ponto de querer fugir,
Para um lugar bem longe daqui,
Um lugar infinito, onde haja só sentimentos bons,
Onde haja lugar para sermos felizes,
Onde a felicidade habite, sem limite,
Onde os sorrisos desfrutem da beleza interior,
De cada um que nesse lugar, ficou,
Vivendo somente da palavra amor...
Quero, nesse lugar, estar,
Onde só possa existir, o eu e o você,
Juntos, com o amo, para poder sempre escrever, e com todas as letras, te dizer...
Eu amo você!

domingo, 29 de julho de 2012

Mulher Benemérita

Mulher de fé,
Jamais traduzirão,
O que realmente és...
Parabéns por mais uma conquista,
Parabéns por mais um título em vida,
Merecedora de tudo o que há de melhor,
Orgulho de nossas vidas!
Obrigada por ser este exemplo,
De esposa, doutora,
De mulher, de mãe,
De filha, irmã, amiga,
Em todos os termos,
Sempre amada e querida...
Honra é tê-la como genitora,
Agradecemos por conceder-nos a vida,
Especialmente por todo amor divino,
Que se faz recíproco, nossa amável menina...
Parabenizamos por todos os seus dias,
De honra, de alegria,
Que venham novas medalhas,
Nessa incrível batalha,
Que diante dos seus pés,
Transforma-se em flores e carinhos...
Que você continue nos florindo,
Exalando seu perfume, incrível,
E por todos os lados,
Deixando suas marcas,
Com suas cores e brilhos...
Assim, nomeando eternamente,
Um anjo, amoré,
Dayse Aparecida Papassoni.

Livia Papassoni dos Santos

segunda-feira, 23 de julho de 2012

Amizade


Amizade...
Com apenas sete letras,
Mas um conteúdo puro e inigualável...
É estar ao lado por pensamento,
É compartilhar emoções do tempo,
É brincar, rir, chorar, desabafar,
É cantar, abraçar, pular, emocionar...
Ser amigo é amar e ser amado,
Ter um ou mais amigos é a dádiva de ser apaixonado,
Pela vida, pela paz e pela felicidade,
Pelos sentimentos de lealdade...
Amigos são anjos,
Aqueles de apenas uma asa,
Para que se possam voar juntos,
Necessitam de abraços...
Amizade são mãos postas,
Permitindo a vida em prosas,
Pois amigo é como poesia,
É o um dom de viver, a vida!
Agradecer pela amizade,
É o mínimo, na realidade,
Pois se acredito no viver, na perseverança,
É porque tenho-te como luz, eterna esperança!

segunda-feira, 9 de julho de 2012

Pensamentos


Pelo silencio da noite,
Sinto a harmonia dos pensamentos,
Perante um coração, cheio de sentimentos,
Vejo assim, a vida, contemplada em cores e argumentos,
Irradiada por luzes e contentamentos,
De almas que circulam, sem ressentimentos,
Apenas, a fim de encontrar,
O brilho que as espera, em algum lugar,
E que lhes dá como presente,
A vida, que a cada dia irradia,
Toda sua beleza, perante a natureza,
Com simples cores calmas,
Surgindo no passar das horas,
E que no decorrer do tempo,
Veneram o arder do calor,
Que esquenta, como um verdadeiro amor,
Queima, como ardente lenha,
Sobre a pele, sem respeitar a dor,
Mas respeitando o momento vivido,
Mostrando assim, mais um dia amigo...
Por entre a calma,
Observo o adoecer do dia,
Contemplo a vinda da outra alegria,
Da lua e suas estrelas,
Dando o show da noite, da mais pura beleza,
Iluminando os rumores que choraria o dia,
Mostrando que o preto também tem cores,
Mas principalmente,
Que a escuridão é envelhecer alegre de todos os dias...

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Presente


Presente

Observo o horizonte,
As horas vão nascendo,
O alaranjado a sorrir, crescendo,
O perfume da natureza invadindo meus pensamentos,
Fazendo o despertar em mais um dia de contentamento...
Recordações prevalecem de diversos momentos,
Sonhos, imagens que partiram e deixaram seus sentimentos,
Faz assim o passar do dia,
Cores reluzentes que se transformam em alegria,
Pedras no caminho que se transformam em fantasia,
Sorrindo, amadurecendo em mais um dia...
Observando o horizonte,
As horas vão se acabando,
O alaranjado vai descendo, ao longe,
Agradecendo por mais um dia, felicito grande harmonia...
Miro o anoitecer do céu,
Vejo mais pontos ao horizonte,
Mas dessa vez parecem estar ao meu alcance,
É como se apenas um pulo fosse dado,
E eu os abraçasse, ao longe...
Não me entristeço com o escurecer,
Felicito com as luzes naturais,
Que contemplam todo o anoitecer,
Fazendo sonhar mais alto e amadurecer,
Sonhando com o próximo dia,
E assim, fazendo sempre engrandecer...

segunda-feira, 11 de junho de 2012

Falar de amor


Há um tempo escrevi essa poesia, mas tinha vergonha de publicar... Assim, em uma bela madrugada, sinto que esta deve ser a publicada....

Dizer-te o que estou sentindo,
Talvez seja um grande desafio,
Pois encontrar palavras exatas,
É realmente algo difícil,
Serão com gestos, atos,
Somente assim saberei defini-lo.
Amor é uma palavra simples,
Mas seu contexto é magnífico,
São apenas quatro letras,
Mas seu conteúdo é assim,
Algo diferente, que não tem fim...
Tudo na vida passa,
Mas o verdadeiro amor é único,
Nada ultrapassa...
Adorar-te para sempre,
É meu maior desejo,
Pois amar-te, já te amo,
E para sempre assim,
Quero ser seu anjo!
Como te dizer,
O que neste momento,
Sinto por você?
Não sei...
Só saberei demonstrar-te,
Com estes simples e profundos versos,
O meu desejo,
Para sempre, amar-te!

domingo, 13 de maio de 2012

Mãe


Inspira alegria,
Inspira harmonia,
Inspira paz,
Inspira magia...
Sentimentos fortes, profundos,
Sentimentos que são únicos...
Dizer-te o que sinto,
É o mais difícil,
Descrever-te o que és,
É impossível...
Amor incondicional, além do maternal,
Paz que vai além do natural...
Beleza indescritível, realeza,
Maravilhosa, perfeita...
Palavras que talvez definam,
Palavras que nunca descreverão,
Pois você vai além de tudo, além da imensidão...
Obrigada por ser mãe, melhor amiga,
Por ter me concedido a vida...
Poderia escrever-te mil palavras,
Mas nem mil versos vão definir-te...
Somente te agradeço,
E sem dúvidas, mas do mais profundo dos sentimentos,
Declaro com todo contentamento,
Eu te amo mãe, meu eterno adoramento!!

terça-feira, 24 de abril de 2012

Sonhos


Suspiros profundos cuidam do sono,
Imagens indefinidas surgem na mente,
Imaginam-se sons e cores,
Penetrando cada sonho, levemente...
Perco-me nas imaginações,
Sigo os passos, mas sem direções,
Sigo o que meus pensamentos seguem,
Sem rumo, sem lamentações,
Apenas imaginando o mundo,
Nos seus sons e suas cores,
Penetrando meus sentimentos,
No mais profundo...
Sinto que me perco,
Sinto que não entendo,
Aquelas imagens que se propagam,
Mas fazem de minha mente,
A mais bela paisagem...
Sinto-me leve,
Sinto-me renovada,
Parece até que estive acordada,
Mas vejo que foi mais um sonho,
Que se transpareceu nitidamente,
Nos meios infinitos,
Que trago em minha mente...
Assim... Eternamente.

Livia Papassoni dos Santos

domingo, 18 de março de 2012

Rosa


Ela é como uma rosa,
Linda, maravilhosa,
Tem seus defeitos,
Mas sua beleza é grandiosa.
Mãe, amiga,
Mulher, feminina,
Filha, querida,
Em todos os sentidos,
Sempre a preferida!
Hoje mais um ano de vida,
Mais uma realização em harmonia,
Nossa eterna alegria!
Obrigada por ser mãe,
Por ser nossa amiga,
Parabéns pelo dia da mulher,
E parabéns pelo grande dia,
Dia em que se completa,
Mais um ano da sua vida!
Dedicar-te tais palavras,
Seriam pouco, se não nada,
Pois perto do que és, tão amada,
Somente o Sol, para descrever-te,
Eterna iluminada!
Te amo!

Dedico este poema à minha mãe Dayse Aparecida Papassoni, por mais um ano de vida que se completa, e dedico a todas nós mulheres!

sexta-feira, 9 de março de 2012

Oração


Fé, oração,
Amor, coração,
Eternidade, emoção,
É assim que se contempla o GOU,
Na mais pura perfeição...
É a presença do Santíssimo,
Que nos faz chegar ao Altíssimo,
É nessa felicidade que contemplamos,
Todo o amor, que invade todos os cantos.
Pensamentos planando no ar,
Sentimentos transbordando, infinito como mar,
E o amor, com seus meios, penetrando em todo lugar.
É assim que se pode definir,
Um pouco do que a oração nos faz sentir,
A fé que exalta no lar,
Esquentando e enriquecendo,
Tudo que nos faz sorrir e leva a orar...
É indescritível a felicidade,
Que exalo com a amizade,
É pelo Santíssimo,
Que clamamos a oração,
E ali, reunidos,
Encontramos a emoção,
De palavras puras e sabias,
Que perpetuam fora da escuridão,
Mas por entre luzes que dançam,
E que sorriem por essa grande união!

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Anoitecer


Anoitece, o céu escurece,
A lua felicita alegre,
Meus olhos fitam a escuridão do céu,
E sorriem, com todo o brilho,
Que as estrelas e a lua nos fornecem,
Como se vestissem brilhantes véus...
Parecem dançar e cantar,
Em uma finita noite a se alegrar,
Bailam como se fossem únicas,
E um céu imenso a vislumbrar...
Sinto a melodia, a voz da magia,
Por entre a madrugada a sonhar,
Vejo o paraíso a brilhar,
E sonho do modo mais lindo,
O palco que estou a observar...
Como é magnífico,
Como é lindo,
Sentir a harmonia dos passos,
E os doces entre laços,
É a beleza da natureza,
É a pureza da lua cheia,
É mais uma noite perfeita,
Que faz de todos os passos,
Os meus versos em perfeitos abraços...

Pensamentos da noite


Pelo silencio da noite,
Sinto a harmonia dos pensamentos,
Perante um coração, cheio de sentimentos,
Vejo assim, a vida, contemplada em cores e argumentos,
Irradiada por luzes e contentamentos,
De almas que circulam, sem ressentimentos,
Apenas, a fim de encontrar,
O brilho que as espera, em algum lugar,
E que lhes dá como presente,
A vida, que a cada dia irradia,
Toda sua beleza, perante a natureza,
Com simples cores calmas,
Surgindo no passar das horas,
E que no decorrer do tempo,
Veneram o arder do calor,
Que esquenta, como um verdadeiro amor,
Queima ardente lenha,
Sobre a pele, sem respeitar a dor,
Mas respeitando o momento vivido,
Mostrando assim, mais um dia amigo...
Por entre a calma,
Observo o adoecer do dia,
Contemplo a vinda da outra alegria,
Da lua e suas estrelas,
Dando o show da noite, da mais pura beleza,
Iluminando os rumores que choraria o dia,
Mostrando que o preto também tem cores,
Mas principalmente,
Que a escuridão é envelhecer alegre de todos os dias...

Amanhecer


Senti o vento soprar meus ouvidos,
A brisa suave roçar meus cabelos,
Os grãos da areia a penetrar minha pele,
E a imensidão do amor,
Esquentar o meu corpo, com todo o calor,
Sentindo assim, a vida, alegre...
Meus olhos miravam radiantes,
Aquele horizonte fascinante,
Por entre as águas onduladas e salgadas,
Nascia o maior e brilhante,
O sol, com suas espadas,
Iluminando cada fio de água,
Venerando assim, meus sentimentos,
Fazendo de mais um dia,
Mais versos e mais palavras,
A serem contemplados e admirados,
Por mais esta cortesia,
Momentos e segredos,
Revelados em uma pequena poesia...

Ano Novo!


Os segundos iam-se embora,
Contados, como em trovas,
Os últimos momentos,
Celebrados, sem esquecimentos,
De mais um ano que se consagrou,
Grandes e alegres vitórias...
Fortes barulhos atormentavam os ouvidos,
Mas vindos de lindos brilhos que pelo céu se alegravam,
Mostrando a todos que mais um ano estava vindo ao agrado,
E que toda aquela beleza teria a realeza,
De mais uma imaginação,
De mais uma oração,
E mais uma grandeza,
A eterna gratidão...